terça-feira, 19 de maio de 2009

Micro análise televisiva

(MTV)
É tão engraçada a diferença entre um programa e outro em menos de uma hora!
Primeiro a gente tem a ilustre demonstração de João Gordo e sua postura "K.A.P.O.P" diante de clipes da moda. Além disso ele ainda faz questão de colocar um monte de vinis (o plural tá certo??) pra tocar enqüanto diz que se é pra ouvir um monte de coisa "nova" que parece cópia das antigas, é melhor ouvir as originais mesmo (coisa que concordo plenamente).
Daí logo depois, coladinho mesmo, vem o programa da Marimoon e tooodos os seu modismos ridículos, cheios de clichês sem graça!

Esse é um belo exemplo de o quanto a vida pode ser disparatada.

sábado, 16 de maio de 2009

Recorte e colagem

Me identifiquei muito com esse texto, que achei sem querer pelos Googles da vida:

"Relacionamentos - Arnaldo Jabor

Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim.
Como tudo na vida. Detesto quando escuto aquela conversa:

- Ah, terminei o namoro...
- Nossa, estavam juntos há tanto tempo...
- Cinco anos.... Que pena... Acabou...
- é... não deu certo...'
Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou.
E o bom da vida é que você pode ter vários amores. Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.
Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro? E não temos essa coisa completa.

Às vezes ela é file, mas é devagar na cama. Às vezes ele é carinhoso, mas não é file. Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador. Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível. Tudo junto, não vamos encontrar. Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.

Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia. E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona... Acho que o beijo é importante... E se o beijo bate... Se joga... Se não bate...
'Mais um Martini, por favor...' E vá Dar uma Volta.


Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer. Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... Ou não. Existe gente que precisa da ausência para querer a presença. O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta.
Nada de drama. Que graça tem alguém do seu lado sob pressão? O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique com alguém por pena.
Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.


Tem gente que pula de um romance para o outro.
Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia? Gostar dói.
Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração... Faz parte.
Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo. E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse... A pior coisa é gente que tem medo de se envolver. Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível. Na vida e no amor, não temos garantias. Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar.
Nem todo beijo é para romancear. E nem todo sexo bom é para descartar... Ou se apaixonar... Ou se culpar...


Enfim... quem disse que ser adulto é fácil ????"

Momento superficial

Ah, sei lá. Deu vontade de fazer uma listinha teenager...
Falta do que fazer? Acho que não.
Falta de criatividade? Estamos quase chegando lá, hehe.

Lá vai:

Os 5 caras mais lindos do mundo (na minha humilde opinião!)
Em contagem regressiva.

5- Jimmy Page (Led Zeppelin): Esse rosto, o jeito de tocar guitarra, ai... arranca meus suspiros!

4- Eddie Van Halen (Van Halen): Sorriso inigualável, sem mais comentários (ai, que calor).

3- David Gilmour (Pink Floyd) : loiro, cabelo lisinho e cumprido, olhos azuis, expressão angelical... Lindo demais!

2- George Harrison (Beatles): não, eu não acho o Paul o mais bonito, sei á aquele jeito meio metidinho não me faz muito a cabeça. O que mais me encanta é o jeitinho tímido do George. Sem contar que ele foi o mais favorecido pelo corte de cabelo que os Fab Four usavam no começo da carreira (e que eu adoro por sinal!).

1- Rick Danko (The Band): nem meu pai, nem meu namorido Diego, nem John Lennon, ninguém! Ninguém (na minha opinião) supera a beleza desse cara (que por sinal é o único baixista dessa lista cheia de guitarristas...). A primeira vez que o vi foi quando eu tinha 12 anos, no filme/show "The Last Waltz", e embasbaquei. Meu "príncipe encantado" passou a ter o rosto dele. Inexplicável o que sinto quando vejo fotos dele (L) .




Aiai...


(Meu gosto não é duvidoso.)

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Pequenos clichês que de repente passaram a me fazer muito sentido

É impressionante como de vez em quando é bom ficar calada. Simplesmente não dizer nada, não reagir, deixar rolar naturalmente. Porque quando se cutuca demais uma coisa, pior fica. merda é assim: quanto mais mexe mais fede

Adotar uma conduta "ah é?" diante de um monte de coisa ajuda a gente a não se sobrecarregar de besteiras. Tudo bem que não é fácil manter a mesma linha mental 24 horas por dia, mas se pelo menos ficamos numa boa vez ou outra, acabamos pegando o jeito da coisa. Como tudo na vida, é uma questão de prática.

E não correr atrás demais (em determinadas situações) é sempre bom. Porque aí dá pra perceber o verdadeiro valor de muitas coisas.

--------------------------------------------------------------------------------------------

E adorei meu novo emprego, muito mais calmo que os anteriores.
Hoje só quero terminar de pintar minha camiseta.

E não vou correr mais atrás.


.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...